Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sábado, 30 de abril de 2016

ECONOMIA: Caravana Ecosol foi realizada em Garanhuns nesta quinta-feira (28)

Foto: Aquilles Soares / Secom PMG
A Secretaria de Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação de Pernambuco (Sempetq) realizou, através da Agência de Fomento do Estado de Pernambuco (AGEFEPE), e em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Garanhuns a “Caravana Ecosol – Finanças Solidárias”. O momento aconteceu no auditório João Zacarias Oliveira, localizado na Câmara dos Dirigentes Lojistas de Garanhuns, no Centro da cidade.

Estiveram presentes empreendedores da Feira do Parque, Mercado 18 de Agosto, Cooperativa dos Produtores Rurais e outros empreendimentos apoiados pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico. Durante o encontro, a consultora de negócios da AGEFEPE, Albani Teixeira discutiu de que maneira funciona a economia solidária, e quais são os benefícios desta prática.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico de Garanhuns, Geandré Nogueira, o evento serviu para orientar os empreendedores de como fomentar a economia no momento de crise em que o país encontra-se. “A ideia é criar opções para aqueles que mais sentem o reflexo da crise, que são aqueles pequenos empreendedores. Em busca de crédito para estas pessoas estamos firmando parcerias junto ao governo do Estado, e a Agência de Fomento é uma destas saídas”, finalizou.

Fonte: Secom / PMG

INAUGURAÇÃO: Segundo Centro Administrativo entra em funcionamento em Garanhuns

O Centro Administrativo II foi inaugurado oficialmente na manhã desta sexta-feira (29). O momento contou com a presença de vereadores, secretários, servidores e representantes da sociedade civil, além do prefeito Izaías Régis. O prédio, que irá abrigar seis departamentos do Governo Municipal, fica localizado na avenida Irga, S/N, no prédio da antiga Coca-Cola. Com essa centralização, o município irá reduzir custos, melhorar a logística de acesso aos setores e impulsionar a eficiência, seja na elaboração de projetos, como também em relação às atividades burocráticas.

Após a execução do hino de Garanhuns, o chefe de Departamento de Patrimônio e Suprimento, José Gundes, fez o uso da fala. Em seguida, o prefeito Izaías Régis ressaltou os benefícios das novas instalações. “Esse novo prédio é bem mais viável para o município, por causa da economicidade, pois estaremos aproveitando apenas um espaço para várias secretarias. Isso sem contar com o benefício direto à população, uma vez que tudo estará centralizado e vai facilitar esse acesso”. O gestor informou ainda que, diferente do que algumas pessoas estão comentando, não houve novas contratações em decorrência da mudança.

No local, estarão instalados a Diretoria dos Transportes, o Departamento de Patrimônio e Suprimento, a Secretaria de Planejamento, Secretaria de Serviços Públicos e Obras e Autarquia Municipal de Segurança, Trânsito e Transportes (AMSTT). Mais de 400 servidores irão trabalhar no local.

Por Ruthe Santana / PMG

sexta-feira, 29 de abril de 2016

GARANHUNS: Dia D de Campanha contra gripe acontece neste sábado (30)

Foto: Ruthe Santana / Secom / PMG
Acontece em Garanhuns neste sábado (30), a 18ª Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe, a mobilização nacional lançada pelo Ministério da Saúde segue até o próximo dia 20 de maio. No município, além de estar disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS’s), a imunização também pode ser encontrada no Espaço Colunata, no Centro da cidade; e também na Praça Souto Filho – área da Fonte Luminosa.

Este ano, campanha tem como público alvo os grupos prioritários. Crianças entre seis meses e menos cinco anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, mulheres em período pós parto, profissionais da área da saúde, povos indígenas, pessoas com 60 anos de idade ou mais, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, além de pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e pessoas com outras condições clínicas especiais, como diabéticos e obesos.

A vacina é considerada uma das medidas mais eficazes na prevenção de complicações e casos graves de gripe, e é de total segurança. De acordo com o Ministério da Saúde, a vacinação pode diminuir entre 32% e 45% o número de hospitalização por pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade por complicações da influenza.

O secretário de Saúde do município, Alfredo de Góis, comenta sobre a mobilização. “Amanhã estaremos vivenciando o Dia D dessa campanha e para Garanhuns está previsto vacinar em torno de 28.000 pessoas, que são as que se incluem nos grupos prioritários. Até o momento, nós recebemos dois lotes da vacina e estamos aguardando da V Gerência Regional de Saúde os outros três lotes amanhã. De qualquer modo, além da mobilização do Dia D, a campanha seguirá até o dia 20 de maio”, afirmou.

Fonte: Secom / PMG

quinta-feira, 28 de abril de 2016

COMPESA: A complexidade do abastecimento em Garanhuns!

Foto: Arquivo / JCPE / Beto Duran
O serviço de abastecimento de água em Garanhuns é alvo constante de reclamações e descontentamentos por parte dos seus usuários, isto porque existem constantes interrupções no fornecimento do precioso líquido. As justificativas são sempre as mesmas: cano que estourou ou bomba que queimou!

Diante destas repetidas respostas, a população se revolta em sentimentos de impotência diante da única fornecedora, a Compesa. Estes sentimentos se agravam quando sabemos que não é por falta da água que o fornecimento é interrompido, mais por falta de estrutura no próprio sistema que é antigo.

Atualmente a cidade de Garanhuns é abastecida por três barragens, são elas: Cajueiro, com capacidade para 14.450.000 m3; Inhumas com capacidade de 6.900.000 m3 e Mundaú com 1.900.000 m3. Com as chuvas do início deste ano, essas barragens estão respectivamente com 90%, 66% e 83% das suas capacidades, segundo nos informa o Gerente Regional da Compesa em Garanhuns, Igor de Oliveira Galindo.
A soma dos três reservatórios ultrapassam 40 milhões de metros cúbicos de água.
Enviamos e-mail com alguns questionamentos a gerência da Compesa em Garanhuns que, também por e-mail nos respondeu. Perguntamos pela solução definitiva nas longas e constantes interrupções no fornecimento de água, já que as alegações são sempre as mesmas. A resposta foi: “Nosso sistemas que atendem a cidade de Garanhuns, dispõe de mais de 100 Km de tubulações com diâmetros e materiais diversos, passando por riachos, montanhas de difícil acesso, três barragens, seis unidades de bombeamento, doze bombas de grande porte, doze motores, e uma série de complexos sistemas de operação. É natural e normal que equipamentos mecânicos tenham necessidade de parada para manutenção, seja ela preventiva ou corretiva. Imagine que se um veículo particular fica parado para uma troca de óleo, conserto no freio, furo de pneu etc. um sistema complexo como o nosso a de parar também. Além disso, estamos sujeitos aos eventos fortuitos que podem danificar nossos sistemas e necessitar de reparos que podem ter maior ou menor velocidade na solução. Sempre buscamos a melhor solução o que muitas vezes não é a mais rápida”, nos responde o gerente Regional da Compesa, Igor de Oliveira Galindo.

Mas o problema da constância não foi respondido. Afinal, parar para concertar ou fazer manutenção preventiva é uma coisa, mas, divulgar tabela com datas para abastecimento, isto tem cara de racionamento, que não deve ser o caso!

O Sr. Igor Galindo, também foi questionado se existe projeto para regular o abastecimento em Garanhuns de maneira definitiva. Ele responde que desde 2015 foi iniciado um projeto de melhoria no sistema desta cidade e que este está em fase de conclusão. No entanto, é justamente desde esta data que o abastecimento só vem piorando!

Ele encerra o email dizendo: “A efetivação das melhorias não depende de um gestor, mas sim de todo um conjunto de profissionais e recursos para projeto, aquisição e implementação das soluções. Envolve várias equipes da Compesa como um todo que estão trabalhando para melhorar a situação”, finaliza o Gerente Regional da Compesa em Garanhuns.

REPORTAGEM: O Secretário que mudou a cidade!


Uma das marcas da notória competência administrativa do prefeito Izaías Régis, foi a escolha do seu secretariado. Uma equipe competente e capaz de identificar necessidades e suas soluções. Uma das pastas que mais se destacou desde o início da sua gestão foi a Secretaria de Obras e Serviços Públicos de Garanhuns. Enquanto secretário, o engenheiro civil Hélio Faustino, discretamente, deu um show de competência na elaboração e execução de projetos que mudaram literalmente a cara da cidade. 

Reformas de prédios, parques e praças públicas, pavimentação, drenagem de águas pluviais, recapeamento asfáltico e infraestrutura urbana. Foram trabalhadas mais de 230 vias em mais de 10 bairros e 02 distritos. 


A cidade ganha em qualidade de vida.

Antes, onde era rua de difícil acesso, agora é rua pavimentada e limpa. É o caso da Rua São Mateus no bairro Boa Vista, onde os moradores reivindicavam sua pavimentação a mais de 40 anos. Segundo o morador, Sr. José Paes de Oliveira de 80 anos, “a rua tinha mau cheiro, ratos e baratas. Agora está uma beleza”.

A experiência do então secretário de obras como engenheiro civil, facilitou na elaboração dos projetos técnicos e na certeza de uma execução bem feita da obra. Formado em Engenharia Civil em 1986 pela Universidade Católica do Recife, atuou como Secretário de Obras na cidade de Poço Redondo no estado de Sergipe, e é prestador de serviço como engenheiro para a Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e Banco do Nordeste do Brasil. Em 2013 foi nomeado secretário de obras de Garanhuns, permanecendo até 2015, quando saiu para assumir a Secretaria de Planejamento.

Facilmente as pessoas associam o sobrenome do engenheiro Hélio Faustino, aos seus irmãos que foram vereadores em Garanhuns. “Mário Faustino e Paulo Faustino, foram vereadores que lutaram por causas importantes para o desenvolvimento da cidade, daí a fixação no inconsciente da população”, afirma em entrevista ao Jornal Crer em Pernambuco, o engenheiro Hélio Faustino.

Enquanto secretário de obras, Hélio Faustino elevou em 1.200% as licenças de construção e, em 1.300% as fiscalizações de obras na cidade. Tudo isto, colaborou com o aumento significativo na arrecadação do município, proporcionando mais obras. Foi ainda responsável em transformar a Defesa Civil em pessoas jurídica, viabilizando a vinda de recursos Federais. Ampliou em 100% a limpeza urbana em varrição de ruas e coleta de lixo.

Responsável pela elaboração de projetos estruturais importantes, entre eles:

  • Pavimentação e drenagem em ruas dos bairros Magano, Boa Vista, Aluísio Pinto, João da Mata, Cohab II, Loteamento São Carlos (acesso ao santuário Mãe Rainha) com 21 ruas, bairro José Maria Dourado com mais de 10 ruas pavimentadas, 09 ruas na localidade da Várzea, 06 ruas no bairro Liberdade, 06 ruas na Vila Lacerdópolis; 
  • Projeto da recém inaugurada Praça Capitão Tomás Maia, no centro de Garanhuns; 
  • Pavimentação dos distritos de São Pedro e Miracica; 
  • Projeto da Nova Ceaga com construção de dois galpões de 5 mil metros quadrados; 
  • Projeto do Colégio Municipal em construção na Av. Caruaru; 
  • Projeto em fase de licitação para construção do Colégio Municipal Manuel Camelo, no bairro Francisco dos Santos Figueira; 
  • Projeto de Unidades Básicas de Saúde nos bairros Magano, Liberdade e Cohab I. 

A cidade de Garanhuns tem sido transformada em um lugar ainda melhor para se viver.

Cada rua pavimentada e drenada proporciona mais qualidade de vida aos seus moradores. Um governo comprometido com o bem estar do cidadão deve ter em sua equipe pessoas capacitadas e sérias, comprometidas em fazer o seu melhor.

Parabenizamos o prefeito Izaías Régis pela escolha dos seus secretários. Parabenizamos a pessoa da nossa página VIVER GARANHUNS, Hélio Faustino, por sua competência em tudo o que se propõe a fazer.

Matéria publicada no Jornal Crer em Pernambuco - Abril de 2016

terça-feira, 26 de abril de 2016

AUMENTO: Energia elétrica aumenta 9,99% em Pernambuco

Imagem: Reprodução internet / Ilustração
A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou o reajuste médio de 9,99% das tarifas de energia da Celpe. Os consumidores de alta tensão terão aumento médio de 6,77% e os de baixa tensão pagarão 11,66% mais caro pela energia elétrica. O reajuste da conta de luz entrará em vigor a partir da próxima sexta-feira(dia 30).

O reajuste tarifário anual da Celpe foi aprovado pela 14ª Reunião Pública Ordinária da Diretoria da Aneel, realizada nesta terça-feira, em Brasília. O aumento considerou o custo médio da energia adquirida pela Celpe.

Por Rosa Falcão / DP

ALERTA! Mortes por vírus aumentam 8 vezes em Pernambuco!

Imagem: Reprodução internet / Ilustração
Depois da microcefalia, outro alerta em saúde foi dado em Pernambuco, desta vez em torno da febre chikungunya. O Estado registrou neste ano um aumento inexplicado de oito vezes no número de mortes supostamente causadas por arboviroses (vírus transmitidos por insetos). São 191 óbitos sob investigação até a segunda-feira, 25, ante 23 no mesmo período do ano passado.

Uma equipe do Ministério da Saúde está há três semanas no Estado para investigar as causas das mortes. A Paraíba também relatou aumento significativo do número de óbitos e requisitou ajuda federal. Oficialmente, além de 12 mortes em Pernambuco, o País confirmou 3 óbitos na Bahia, 2 na Paraíba e 1 no Rio Grande do Norte.

O alerta para o aumento dos indicadores de óbitos partiu do professor adjunto da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Carlos Brito. "Boa parte dos pacientes que morreram apresentou sintomas relacionados à chikungunya", disse.

O coordenador do Programa Nacional de Controle de Dengue, Giovanini Coelho, confirma a preocupação. "Há na literatura registros de casos graves relacionados à chikungunya. Mas a letalidade esperada é próxima de zero", afirma.

Dos casos suspeitos de óbito de Pernambuco, 12 foram confirmados para chikungunya e apenas 1, para dengue. A gerente de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde do Recife, Natalie Barros, conta que, até 2 de abril, dos 40 óbitos suspeitos de terem sido provocados por arboviroses na capital, 7 já foram confirmados para chikungunya. "A análise dos prontuários indica que, dos pacientes que morreram, 63% apresentaram quadro compatível com chikungunya: febre, dores fortes nas articulações", completou Natalie. Embora seja prematuro, ela também considera forte a hipótese de uma ligação com a febre. "Nunca vimos isso na literatura."

Dúvidas

"Há várias dúvidas que têm ainda de ser respondidas", comenta Coelho. Entre elas, por que o aumento de casos foi identificado apenas neste ano, em Pernambuco, uma vez que a febre chikungunya já havia provocado em 2015 um número significativo de casos na Bahia? Por que outros países que tiveram epidemias de chikungunya não identificaram aumento das mortes? Os óbitos seriam provocados pelo próprio vírus ou a infecção levaria a uma desestabilização da saúde do paciente?

Uma das hipóteses é de que em outros países a doença não tenha sido identificada porque a epidemia não atingiu grandes proporções. "Foi o mesmo que aconteceu com a microcefalia", afirma o professor. Já o diretor-geral de Controle de Doenças e Agravos da Secretaria de Saúde de Pernambuco, George Dimech, pede investigação. "Há indícios de que a Colômbia enfrenta um fenômeno semelhante."

Brito diz estar convicto da relação de causa e efeito. Ele observa que Pernambuco enfrenta neste ano uma epidemia pelo vírus, que, a exemplo da dengue e da zika, é transmitido pelo Aedes aegypti. "A letalidade por dengue nunca foi tão alta. Temos agora de investigar o fato novo: a chegada da chikungunya."

Brasil

Os casos de chikungunya registrados no Brasil quintuplicaram em relação ao ano passado. Até o dia 2 deste mês, foram identificados 39.017 pacientes com suspeita da infecção. Há registros em todo o País e, à exceção do Amapá e do Piauí, todos os Estados apresentaram aumento expressivo nos indicadores. Em São Paulo, os relatos, também até o dia 2, passaram de 49 (2015) para 1.566.
Na Bahia, que enfrenta epidemia desde o ano passado, a doença fez 13.836 pacientes até o início do mês. Em Pernambuco, de onde veio o alerta sobre aumento de mortes, a infecção foi identificada em 8.315 pacientes. O Estado com maior incidência da doença é Sergipe, com 108,2 por 100 mil habitantes.

"O número de casos deve ser muito maior do que o oficial", afirmou o professor adjunto da Universidade Federal de Pernambuco, Carlos Brito.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
Lígia Formenti

MANIFESTAÇÃO! MST fecha os dois lados da BR 232 em Caruaru na manhã desta terça (26)


Fotos: Reprodução whatsapp
Informações que circulam agora no grupo de whatsapp do Jeep Clube de Garanhuns, dão conta de uma manifestação do MST a favor do governo Dilma, ocorrendo neste momento, na BR 232 em Caruaru. Ainda segundo os informantes, o trânsito está fechado nos dois lados da BR. Entre os manifestantes, estão várias crianças.

ESTREIA: Ordem dos Pastores estreia programa de rádio em Garanhuns

Estúdio da Rádio 87,9 FM em Garanhuns. Estavam presentes no primeiro programa (da esquerda para direita): Pr. Tony, Pr. João, Pr. Edvaldo, Pr. Calvino e Bispo Fábio (que não aparece por ser ele o fotografo).
A Ordem dos Pastores Evangélicos de Garanhuns e Região (Opegar), estreou nesta segunda (25), um programa de rádio. O objetivo é evangelizar de maneira interdenominacional, ou seja, várias denominações evangélicas através dos seus líderes, levando a palavra de Deus aos ouvintes.
A Opegar é composta por pastores de várias igrejas evangélicas de Garanhuns e Região. O programa de rádio é transmitido pela 87,9 FM na cidade de Garanhuns, às 23h30m, com a duração de uma hora, de segunda a sexta.

segunda-feira, 25 de abril de 2016

COMEÇA HOJE (25): Vacinação contra a H1N1 em Pernambuco. Saiba mais detalhes!

Imagem: Reprodução internet
Começa nesta segunda-feira (25) a segunda etapa da campanha nacional da vacinação contra o H1N1. Serão imunizados todos que estiverem dentro dos grupos considerados prioritários, como idosos e gestantes. De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), mais de 2 milhões de pernambucanos estão nesse grupo. A expectativa é que, pelo menos, 80% das pessoas inclusas nos grupos prioritários sejam imunizadas até o dia 20 de maio. O Dia D de combate à gripe será no dia 30 de abril.

Até o momento, Pernambuco já recebeu do Ministério da Saúde 941.780 de doses da vacina. Segunda a coordenadora do Programa Estadual de Imunização (PNI/ PE), Ana Catarina de Melo, mais de um milhão de doses ainda chegará ao Estado nos próximos dias. Além da H1N1, a vacina serve para combater dois outros vírus da influenza: o H3N2 e o tipo B.

Há contraindicação para indivíduos com alergia grave ao ovo ou a qualquer outro componente da fórmula ou aqueles que apresentaram história de reação anafilática em dose anterior da vacina. “É bom desmentir alguns boatos. É impossível ser contaminado com a doença através da vacina, porque ela é produzida com vírus mortos”, explica Ana Catarina de Melo. A imunização, segundo dados da Secretaria de Saúde, pode reduzir de 39% a 75% a mortalidade global, e entre 32% a 45% o número de hospitalizações por pneumonias.

Casos
Até o dia 9 de abril deste ano, o número de mortes provocadas pela Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) em Pernambuco subiu de cinco para 14. Ainda não se sabe quais tipos de vírus causaram os óbitos. São 11 casos da influenza (H1N1) confirmados no Estado. A gripe já matou 153 pessoas no País. São Paulo é o estado mais atingido pelo surto. “Alguns cuidados podem evitar o contágio, como lavar sempre as mãos com água e sabão, não compartilhar objetos de uso pessoal e evitar locais fechados ou com aglomeração de pessoas”, alerta Ana Catarina de Melo.

Imunização
A vacinação começa, nesta segunda (25), para:

- idosos
- crianças de 6 meses até 5 anos
- gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto)
- portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais
- povos indígenas
- presidiários e funcionários do sistema prisional
- adolescentes e jovens entre 12 e 21 anos sob medida socioeducativas

Fonte: Folha PE

domingo, 24 de abril de 2016

SUPEROU EXPECTATIVA: Viva Dominguinhos encerra mais uma edição

Imagem: Divulgação / Secom PMG
A programação de shows da noite de encerramento do III Viva Dominguinhos foi iniciada por volta das 21h com a cantora garanhuense Kiara Ribeiro. A cantora falou sobre a importância do carinho de seus fãs. “Nós fazemos um trabalho voltado para eles e ter essa retribuição é muito importante, principalmente no meio artístico que é tão difícil. Então ter essa atenção nos encoraja a prosseguir e vencer os obstáculos”, comentou.

A noite também foi marcada pela emoção da segunda edição do “Troféu Viva Dominguinhos”. Idealizado pelo professor e pesquisador Antônio Vilela, com o apoio da Prefeitura de Garanhuns, a premiação tem a finalidade de reconhecer e presentear amigos e admiradores do mestre Dominguinhos. Nesta edição, nove pessoas foram contempladas.

Logo em seguida, foi a vez do cantor e compositor Maciel Melo subir ao palco. Natural de Iguacy, cidade do Sertão pernambucano, o artista conviveu com a música desde cedo, com influência de seu pai que era músico. Ele já participou de diversos festivais de música.

Elba Ramalho foi a terceira atração da noite. A cantora também iniciou cedo no meio artístico. Sua música possui influências do baião, xote, maracatu, frevo, pastoril, caboclinhhos e forrós. Foram esses ritmos que Elba trouxe ao palco do Viva Dominguinhos, com sua interpretação peculiar de cada um deles. A cantora era uma das atrações mais esperadas desta edição do evento.

Atuando no meio musical há aproximadamente 30 anos, Flávio José foi o responsável pelo show de encerramento da noite da terceira edição do Viva Dominguinhos. O cantor, que já possui nome consolidado no forró tradicional, falou sobre o que o público poderia esperar de seu show. “A gente lançou o disco ‘Toque o pé’ e cantaremos muitas músicas dele, mas vamos levar principalmente as músicas já consagradas. Na verdade, traremos de tudo um pouquinho. Tudo o que o povo gosta”, adiantou o cantor.

Por Luanny Porto / Secom / PMG

sábado, 23 de abril de 2016

CIDADE: A Campanha Pare na faixa, Passe na faixa, foi um sucesso em Garanhuns!

Foto: Beto Duran / JCPE
Em pleno sábado do Viva Dominguinhos, onde a cidade esteve cheia de turistas, trânsito lento e grande fluxo de pedestres, a iniciativa educacional para o uso e respeito a faixa de pedestres, promovida pela Diocese de Garanhuns e realizada pelo Rotary Club Garanhuns Sete Colinas, foi um grande sucesso.
Rotarianos apoiados pelo Rotaract, grupos do Sesc, igreja Católica e agentes da AMSTT, realizaram abordagens e distribuição de panfletos com mensagens educativas.
Para a Rotariana Neide Brandão, a experiência foi significativa: "Para esta primeira etapa da campanha, estamos bem felizes com a receptividade das pessoas. Como se trata de uma campanha permanente, temos certeza que em breve Garanhuns será uma cidade exemplo de respeito as leis de trânsito", afirma a sócia do Rotary Club Garanhuns Sete Colinas, Neide Brandão.
Quem esteve acompanhando de perto a realização desta campanha, foi o prefeito Izaías Régis, que falou a nossa reportagem: "Parabéns a Diocese e ao Rotary Club Garanhuns Sete Colinas por esta iniciativa. Se mais pessoas e outras entidades pudessem fazer ações como esta, com certeza o nosso trânsito seria bem melhor". O prefeito aproveitou o momento para dizer da dificuldade que é o trânsito em Garanhuns, com mais de 45 mil veículos emplacados, e do até então, baixo efetivo de guardas municipais de trânsito: "Estamos capacitando mais 33 novos agentes e até o Festival de Inverno teremos um trânsito mais organizado em Garanhuns", disse o prefeito.

O sucesso na realização desta campanha, se deve também ao apoio dos patrocinadores dos materiais utilizados, como faixas, placas e panfletos, além do envolvimento dos veículos de comunicação de Garanhuns, que abriram espaço para divulgar a realização e importância de uma ação como esta.

Confira imagens da realização da Campanha: Pare na faixa, Passe na faixa:









Fotos:  Beto Duran e Reprodução whatsapp

DENÚNCIA: Restos de obra em calçada no centro de Garanhuns!

Foto: Reprodução whatsapp
Leitor do Jornal Crer em Pernambuco nos envia foto denúncia de restos de obra jogados em calçada em pleno centro da cidade, na Rua Dom José, em frente a Loja Duas Rodas. Não nos foi informado se a obra é da citada loja, mas, segundo o leitor denunciante, este material está na calçada desde a última terça, dia 19.
Questionamos a Secretaria de Comunicação de Garanhuns, para sabermos qual secretaria é responsável por fiscalizar este tipo de situação, se é a de Obras e Serviços Públicos ou a recém criada do Meio Ambiente.
Até a publicação desta postagem ainda não tínhamos recebido resposta.

Você repórter
Vendo alguma irregularidade em sua rua ou bairro, nos envie denúncia com foto, que faremos os questionamentos as autoridades responsáveis.
O whatsapp da redação: (87) 99920.0255.

VIVA DOMINGUINHOS: Grande público marca segunda noite do evento em Garanhuns

Fotos: Edson Fernandes - Secom/PMG​ | FH Stúdio's
A segunda noite de shows da terceira edição do Viva Dominguinhos iniciou regada ao forró pé-de-serra, com Mourinha do Forró. O cantor, natural de Correntes -PE, aqueceu o palco, fazendo todo o público arrastar o pé. Ao final do show, o artista, que está em 26º ano de carreira, falou sobre sua participação no evento. "Me sinto lisonjeado em estar aqui. Esse evento representa o resgate da cultura. E hoje estou muito satisfeito. O público cantou, dançou... senti uma energia maravilhosa", afirmou Mourinha do Forró.

Em seguida, foi a vez do cantor e compositor de música popular nordestina Flávio Leandro subir ao palco. Com 15 anos de carreira, o show não poderia ser diferente. "Uma honra muito grande, pois se não mais importante, Dominguinhos é de igual teto de Luiz Gonzaga. E como o frio pede, eu vou cantar o quente de Dominguinhos", comentou o cantor. Ao final do show, ele cantou algumas músicas de sua autoria que foram gravadas por alguns grandes artistas como Elba Ramalho, Jorge Coelho e Jorge de Altinho.

Considerado como uma das atrações mais esperadas da noite, Waldonys tomou conta do palco, por volta das 00h. Aos 13 anos de idade conheceu Dominguinhos, com quem teve uma forte aproximação ao longo da carreira. O cantor falou sobre o que estava reservado para a noite. “Para essa noite preparamos um repertório com muito carinho. Nós teremos algumas músicas que fizeram parte da minha história e também algumas releituras. Nós vamos dar uma passeada nessa história que tem um alicerce forte que vem do Dominguinhos”, adiantou Waldonys.

Ainda durante a coletiva de imprensa, realizada pouco antes do show, o artista falou sobre a promoção que está sendo realizada em parceria com a Secretaria de Comunicação Social, a fim de arrecadar alimentos para o Abrigo São Vicente de Paula. “Isso faz bem para a gente. É fazer o bem sem olhar a quem. E eu sempre falo muito uma frase que o meu pai me diz: ‘Quem não vive para servir, não serve para viver’. Então eu tive essa ideia e passei para a equipe da Prefeitura e a proposta foi muito bem acolhida. Fiquei muito feliz e satisfeito com isso”, completou.

Os fãs de Waldonys poderão ter a oportunidade de sobrevoar Garanhuns no avião do próprio artista. Para participar da promoção, basta levar 2kg de alimentos para o ponto de apoio montado no Espaço Colunata – no Centro da cidade-, neste sábado (23), das 8h às 12h. Ao final da arrecadação, o sorteio será realizado. A decolagem está marcada para 14h, no Aeroporto de Garanhuns. Na ocasião, as pessoas que tiverem participado da promoção – mesmo que não tenha sido o ganhador – terão a oportunidade de tirar foto com o artista.

O responsável por encerrar a segunda noite de shows na Praça Cultural Mestre Dominguinhos foi o tecladista, cantor, sanfoneiro e compositor Dorgival Dantas. “Dominguinhos foi muito importante não só na minha carreira, mas para todos os sanfoneiros. E por isso participar desse evento é de muita alegria para mim”. O artista tem diversas músicas gravadas com cantores conhecidos nacionalmente como Bruno e Marrano, Flávio José, Maria Cecília e Rodolfo. De acordo com a Polícia Militar (PM), o público estimado da noite foi de mais de 40 mil pessoas.

Por Ruthe Santana / Secom PMG

COMPESA: Denúncia de desperdício em Garanhuns!


Imagens: Reprodução whatsapp
Em plena crise hídrica, os vazamentos (desperdícios) de água em Garanhuns, ocorrem em várias ruas da cidade, seja por tubulações antigas que se rompem ou por afundamentos de vias. O fato é que a cidade tem interrupções no fornecimento de água devido a esses vazamentos, quando não são bombas que quebram.

O problema é que tanto as quebras de bombas quanto os vazamentos, demoram para serem concertados, como é o caso de uma denúncia que recebemos de um leitor, onde na Av. Getúlio Vargas na altura do número 260, em Heliópolis, o precioso líquido jorra desde terça 19, sem parar (como mostram as fotos).

Indignação

Ainda considero um absurdo o Ministério Público em Garanhuns não chamar a Compesa para um ajustamento de bons serviços a população, já que se trata do fornecimento de serviço essencial a vida e que não poderia ter interrupções em Garanhuns, já que a cidade dispõe de mais de 40 milhões de metros cúbicos de água em seus três reservatórios!

Que a sociedade de Garanhuns abra a boca para suas queixas como clientes da Compesa!

CRIME: Corpo encontrado dentro de carro em Caetés

Imagem: Reprodução internet
Segundo o site: Notícias ao Minuto, um corpo foi encontrado dentro de um carro estacionado na BR-424, em Caetés. Diz a Polícia Rodoviária Federal que o corpo de Paulo Francelino da Silva, de 57 anos, estava dentro carro às margens da rodovia, próximo ao Sítio Lagoinha. A vítima tinha um ferimento causado por arma de fogo no rosto. Ainda segundo a polícia, testemunhas não souberam informar quantas pessoas teriam participado do crime. Nenhum suspeito foi preso. O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal, em Caruaru.

CIDADE: Acontece hoje (23), campanha de educação para o trânsito em Garanhuns, promovida pela Diocese desta cidade e Rotary Club Garanhuns Sete Colinas


Acontece neste sábado em Garanhuns a Campanha Pare na faixa, Passe na faixa. Esta campanha é uma iniciativa da Diocese de Garanhuns com o apoio e realização do Rotary Club Garanhuns Sete Colinas e seus parceiros.

Hoje, 23 de abril, acontece a primeira etapa desta campanha educativa para o uso e respeito a faixa de pedestres. Serão cinco pontos de abordagens com panfletagens e faixas educativas, os pontos são:

  • Av. Santo Antônio, próximo a Caixa Econômica Federal no centro
  • Rua 13 de Maio, esquina com a Av. Santo Antônio, no centro da cidade
  • Av. Santo Antônio, em frente a loja Americanas, no centro 
  • Av. Rui Barbosa, próximo ao Seminário São José
  • Av. Rui Barbosa, próximo a Igreja Presbiteriana do Heliópolis

A ação ocorre das 9h às 13h deste sábado (23). A mudança de cultura só acontece com a repetição do gesto de uso da faixa enquanto pedestre e o respeito ao parar na faixa como condutor, seja de carro, moto ou bicicleta.

sexta-feira, 22 de abril de 2016

VIVA DOMINGUINHOS: Começam as homenagens ao filho querido de Garanhuns!

Forró Pesado, o talentoso grupo de Garanhuns, abriu
as comemorações da 3ª Edição do Viva Dominguinhos.

Foto: Divulgação / Secom / PMG
Foi aberto oficialmente, nessa quinta-feira (21), a terceira edição do Viva Dominguinhos. E o palco localizado na Praça Cultural Mestre Dominguinhos já deu início à programação artística, que segue até o próximo sábado (23). O local receberá shows de vários artistas que compõem o cenário do forró regional.

Com mais de 15 anos de carreira, o grupo Forró Pesado subiu ao palco às 21h, e deu início à noite de apresentações. O vocalista Pedrinho Passos, que é natural de Garanhuns, falou sobre a experiência de abrir o evento. "É uma responsabilidade muito grande estar num festival de tamanha grandiosidade, tocando músicas de Dominguinhos, Luiz Gonzaga; e cantando as coisas boas da nossa terra”, disse.

A cantora e compositora Cristina Amaral foi a segunda atração da noite, e teve seu repertório marcado por canções que permearam a carreira do mestre Dominguinhos. "Eu estou muito feliz de estar participando pela primeira vez do Viva Dominguinhos. É o terceiro ano do evento, e sempre se consolidando. A cada ano melhor em termos de programação, tudo maravilhoso", comentou a artista.

Com um espetáculo baseado na vida e obra de Dominguinhos e um lado poético de Jessier Quirino, o Quinteto Violado contou com a participação de mais de cem integrantes da Quadrilha Junina Raio de Sol, que desceram do palco e realizaram uma apresentação visual que encantou o público presente.A história de Dominguinhos foi cantada através da música, mesclando com teatro, dança e poesia.

Encerrando as apresentações, o cantor Jorge de Altinho, que foi presenteado com o Troféu Viva Dominguinhos, apresentou-se com os grandes sucessos da sua carreira, que conta com mais de 29 álbuns lançados. "Dominguinhos foi um grande amigo, um grande irmão, fomos colegas de gravadora durante 10 anos. Eu tinha um carinho muito grande, pois ele era um paizão para todo mundo. E estar aqui na terra dele, cantando músicas de sua autoria é de uma emoção muito grande, já que eu também comecei minha carreira por aqui", finalizou.

O Viva Dominguinhos é uma realização da Prefeitura de Garanhuns, por meio da Secretaria de Cultura e Secretaria de Turismo, com patrocínio da Ferreira Costa, Farmácia do Trabalhador do Brasil, São Cristóvão, Mano Imóveis e Governo Federal, através do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

A programação completa do Viva Dominguinhos pode ser acessado através do portal: htpp://www.garanhuns.pe.gov.br.

Fonte: Secom / PMG

quarta-feira, 20 de abril de 2016

CIDADE: Outras riquezas no Parque Euclides Dourado

Fotos: Beto Duran / JCPE
O Parque Euclides Dourado continua sendo uma excelente opção para várias modalidades de atividades físicas e passeios contemplativos, mas, além dos equipamentos, quadras e uma pista para caminhada totalmente sinalizada medindo um quilometro, existe uma escultura talhada em um tronco. Trata-se de uma homenagem aos ícones que deram o nome a cidade, o lobo Guará e o pássaro Anum.

Vale a pena ver de perto a obra do artista João Oliveira no Parque Euclides Dourado. Confira algumas fotos e observe a riqueza de detalhes:




terça-feira, 19 de abril de 2016

É HOJE! Teatro com a Cia Nissi na Quarta Igreja Presbiteriana de Garanhuns

O Ministério de Teatro da Quarta Igreja Presbiteriana de Garanhuns, Companhia de Teatro Quarta Encena, promove o espetáculo Crispim, encenado pela Companhia de Teatro Nissi, de Campinas/SP. Conhecida pela peça O Jardim do Inimigo, a Cia de Teatro Nissi é nacionalmente conhecida por suas atuações evangelísticas em todo o Brasil. Esta não é a primeira vez que a companhia se apresenta em Garanhuns, a última foi ano passado.

O evento acontece hoje, dia 19, às 19:30h na Quarta Igreja. A entrada será um quilo de alimento que será destinado ao Ministério de Ação Social da Igreja.

Serviço:

Local: Quarta Igreja Presbiteriana de Garanhuns
Endereço: Estrada do Flamengo, S/N - Centro - Garanhuns
Data e hora: 19 de abril de 2016 às 19:30h

Para conhecer um pouco mais sobre a Cia de Teatro Nissi, clique aqui.

CIDADE: Obras no bairro Boa Vista, exige atenção e desvio

Foto: Beto Duran / JCPE
O início da Rua José Leitão no bairro Boa Vista, encontra-se com uma obra que interrompeu o tráfego de veículos. Um grande buraco foi aberto para concerto de uma infiltração que estava afetando o pavimento.
Em tempo nublado e chuvoso é importante manter a atenção e respeitar o limite de velocidade daquela via.

segunda-feira, 18 de abril de 2016

É AMANHÃ! Quarta Igreja Presbiteriana de Garanhuns, promove teatro com Cia Nissi de São Paulo

O Ministério de Teatro da Quarta Igreja Presbiteriana de Garanhuns, Companhia de Teatro Quarta Encena, promove o espetáculo Crispim, encenado pela Companhia de Teatro Nissi, de Campinas/SP. Conhecida pela peça O Jardim do Inimigo, a Cia de Teatro Nissi é nacionalmente conhecida por suas atuações evangelísticas em todo o Brasil. Esta não é a primeira vez que a companhia se apresenta em Garanhuns, a última foi ano passado.

O evento acontece amanhã, dia 19, às 19:30h na Quarta Igreja. A entrada será um quilo de alimento que será destinado ao Ministério de Ação Social da Igreja.

Serviço:

Local: Quarta Igreja Presbiteriana de Garanhuns
Endereço: Estrada do Flamengo, S/N - Centro - Garanhuns
Data e hora: 19 de abril de 2016 às 19:30h

Para conhecer um pouco mais sobre a Cia de Teatro Nissi, clique aqui.

sexta-feira, 15 de abril de 2016

INSS: Médicos relatam problemas em marcação de perícias do INSS

Imagem: Reprodução internet
Os médicos peritos da Associação Nacional dos Médicos Peritos (ANMP) em Pernambuco denunciam problemas no sistema informatizado de marcação de perícias do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). O serviço, de acordo com os profissionais da saúde, é gerenciado pela empresa DataPrev, por meio de contrato firmado com o INSS. Problemas vão desde a dificuldade de fazer o cadastramento de segurados até a queda constante da página da internet.

A precariedade do sistema de informática e a dificuldade de realizar os serviços para marcação de perícias levaram o Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe) a publicar críticas em jornais de grande circulação de Pernambuco, no domingo (10). O texto foi editado em área paga pela entidade de classe.

O diretor regional do Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe) e delegado da ANMP em Pernambuco, Adilson Morato, detalhou as situações enfrentadas tanto pelos médicos peritos quanto pelos segurados. "Em um agendamento podem acontecer muitos problemas com o sistema de informática. Por exemplo, pessoas que estão desempregadas acabam sendo consideradas como empregadas. E o sistema exige a comprovação da empresa. O sistema não identifica a real situação do segurado - se autônomo, empregado, desempregado, contribuinte individual - ou interpreta esses dados de forma errada. São inúmeras falhas".

Fonte: G1

NOVELA: No elenco de Velho Chico, filho de Shaolin diz que trabalho ajuda a superar a morte do pai

Imagem: TV Globo / Reprodução
O ator Lucas Veloso, filho do humorista Shaolin, que morreu em janeiro deste ano, tem encontrado nas gravações da novela Velho Chico, da Globo, uma terapia para superar a morte do pai. A primeira participação do comediante na produção foi ao ar nesta quarta-feira (13).

"Na época [do acidente que deixou Shaolin em coma], foi difícil para mim, porque eu ainda estava em processo de criação, mas acho que ele, no meu lugar, daria uma respirada e continuaria o trabalho, porque tem pelo menos 20 mil pessoas querendo estar no meu lugar e um Brasil inteiro esperando para receber uma dose de alegria. Procurei ficar com o que ele deixou de melhor, esquecer que dói a ida dele, mas pegar essa parcela boa de alegria e levar para a frente, usar como gás. Sinto ele perto sempre, e alma de artista não morre nunca", disse o paraibano em entrevista ao portal Uol.

Lucas Veloso chegou a conversar com Shaolin sobre o papel no folhetim. O ator conseguiu o trabalho dois meses antes da morte do pai, que deu dicas ao filho, mesmo com a saúde debilitada. "Ele ficou muito feliz, muito contente de saber disso e me ajudava, eu lia o texto perto e ele me dava uns toques de como eu interpretava, porque, no quesito alegria, ele tem doutorado", completou Lucas, que vive um estudante de agronomia em Velho Chico.

Shaolin sofreu um acidente de carro em 18 de janeiro de 2011. O fato ocorreu na BR-230, em Campina Grande, quando o veículo conduzido pelo humorista foi atingido por um caminhão que teria invadido a pista contrária. O paraibano, que ficou em coma, morreu cinco anos depois, após apresentar quadro febril e não resistir às sequelas do acidente.

Fonte: DP

SEGURANÇA: Municípios aderem ao Pacto pela Segurança

Imagem: Reprodução internet
O que antes era uma preocupação apenas do governo estadual passou a fazer parte também das discussões de algumas prefeituras. Dos 184 municípios de Pernambuco, 64 aderiram ao programa Pacto dos Municípios pela Segurança Pública. A iniciativa, proposta pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE), tem como objetivo a promoção de políticas públicas de caráter preventivo, voltadas à diminuição dos índices de violência nas cidades pernambucanas. Lançado no ano de 2013, quando o estado registrou um total de 3.102 assassinatos, o programa tem ajudado o poder público municipal e as polícias no combate à criminalidade.
O programa apresenta várias medidas, divididas em dez eixos temáticos. Entre as propostas estão a melhoria da iluminação pública, cadastramento de bares, restaurantes, casas de show, ferros-velhos e oficinas, e a instalação de câmeras de monitoramento e combate às drogas. Também fazem parte das ações a criação de comissões de controle de conflitos nas escolas e o controle de horários e maior segurança em grandes eventos. “O Pacto pela Vida precisa inserir os municípios nessa discussão. A segurança pública não pode ser vista só pelo lado repressivo”, ressaltou o promotor de Justiça Paulo Augusto de Freitas, responsável pelo programa.

Ainda de acordo com o promotor de Justiça, nem todas as cidades onde foi implantado o pacto tiveram avanços percebidos. Um Comitê de Fiscalização avalia o cumprimento das metas. “Na avaliação do primeiro ciclo, realizado no final do ano passado, apenas seis municípios foram certificados por terem cumprido as metas. Vamos voltar às cidades que não atingiram as metas para fazer a capacitação de um servidor municipal e um policial militar que serão responsáveis pela concretização dessas metas”, explicou Paulo Augusto. Na Região Metropolitana do Recife (RMR), apenas Jaboatão dos Guararapes faz parte do programa. Ele foi contemplado com o certificado de Município Compromissado com a Segurança Pública.

Em setembro de 2013, a Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes aderiu ao programa. No ano de 2014, a Área Integrada de Segurança (AIS6), que integra os municípios de Jaboatão e Moreno, registrou um total de 352 Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs). No ano passado, 247 crimes foram registrados na AIS. “Jaboatão recebeu o certificado na categoria Prata. Só não foi contemplado com o Ouro porque ainda tem alguns problemas com a iluminação pública, mas tem uma Guarda Municipal muito atuante, fez o cadastramento de bares e tem câmeras de monitoramento espalhadas pela cidade” apontou o promotor de Justiça.

No entanto, mesmo com a certificação do MPPE, moradores do bairro de Piedade, em Jaboatão, ainda reclamam da insegurança. O representante comercial Geraldo Oliveira, 46, relatou diversos assaltos na Rua José Braz Moscow, onde mora. “Apesar da rua ser bem iluminada, os assaltos acontecem a qualquer hora. Na semana passada, por exemplo, levaram o carro de uma vizinha na frente do prédio”, contou. A comerciante Aline Siqueira, 32, trabalha na mesma rua e também teme a insegurança. “Meu marido já foi assaltado por um homem armado. As pessoas relatam muitos casos parecidos”, revelou.

Por Wagner Oliveira / DP

MAPEAMENTO: Fiocruz traça perfil do usuário de crack em quatro cidades de Pernambuco

Imagem: Reprodução internet
O usuário de crack em quatro das maiores cidades do Estado tem um perfil bem definido: é, em sua maioria, homem, negro ou pardo, tem entre 18 e 34 anos, ganha entre um e dois salários mínimos, sobrevive de “bicos”, tem baixa escolaridade e começou a usar a droga por influência de terceiros, no meio onde vive. Ou em outras palavras, é o clássico exemplo de pessoa que vive em um ambiente de alta vulnerabilidade social.

O mapeamento foi realizado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), que entrevistou 1.062 pessoas atendidas pelo programa Atitude, do governo do Estado, em quatro municípios: Recife, Joaboatão dos Guararapes, Cabo de Santo Agostinho e Caruaru, este última no Agreste do Estado. O Atitude é a principal iniciativa pública no tratamento dos dependentes do crack e atende 13 mil pessoas. A pesquisa foi feita entre agosto de 2014 e agosto de 2015, e divulgada ontem, durante um seminário realizado na sede da Fiocruz, no bairro da Cidade Universitária, Zona Oeste da capital.

No grupo de entrevistados, 77,1% são homens e 22,9%, mulheres. Os baixos níveis de renda e de escolaridade também acabam empurrando as pessoas ao consumo: 50,5% dos usuários não têm o ensino fundamental completo e 77,4% ganham entre um e dois salários mínimos.

O primeiro trago, para 41,6% deles, veio por influência de pessoas ao redor, e 34,8% disseram apenas ter curiosidade de experimentar algo diferente. O turbilhão causado pelo consumo constante empurrou mais da metade dos entrevistados para a vida nas ruas: 54,8% deles estavam vagando pelas cidades, sem teto, quando foram integrados ao programa Atitude.

O uso prolongado da droga tem um efeito devastador sobre as relações familiares, segundo a pesquisa: 63,9% das pessoas dizem ter filhos, mas apenas 8,8% afirmam morar com eles. “A quebra dos vínculos familiares e sociais é um dos pontos mais preocupantes detectados na pesquisa”, afirma Naíde Teodósio, pesquisadora da Fiocruz.

Segundo ela, o trabalho também teve o objetivo de detectar a relação de vulnerabilidade dos usuários a doenças como aids, sífilis, hepatites tipos B e C, além de tuberculose. No caso do vírus HIV, a taxa de infecção entre os entrevistados foi de 6,9%, 17 vezes maior que a estimada para a população do País em 2014, que foi de 0,4%, segundo a Secretaria Nacional de Vigilância em Saúde.

Mas nem tudo são más notícias na pesquisa. Alguns dados sugerem que a maioria dos usuários tem consciência de que o uso do crack tem consequências negativas em suas vidas. Segundo o trabalho, 89,1% dos entrevistados afirmaram terem vontade de se tratar do vício, e 74,2% das pessoas que procuraram o Atitude o fizeram, de acordo com a pesquisa, para “melhorar a saúde”.

“A redução no consumo após o ingresso no programa também foi significativa: de 24,5 pedras por dia para nove pedras. E muitos estão há meses sem usar nada”, explica a coordenadora geral do programa Atitude, Malu Freire.

O Recife ainda é a cidade que concentra a maior parte dos entrevistados (48,5%). De acordo com a Secretaria municipal de Enfrentamento ao Crack, nos últimos 12 meses, cerca de 1700 mil multiplicadores em prevenção às drogas foram habilitados pela prefeitura. Também foram realizadas 3.508 apresentações culturais, e outras 150 pessoas foram formadas em vendas e recepção hospitalar. Ainda de acordo com a secretaria, R$ 2 milhões foram destinados à compra de vagas para usuários em entidades terapêuticas.

Fonte: JC

quinta-feira, 14 de abril de 2016

PERIGO A SAÚDE: Sem testes, Dilma libera a comercialização da "pírola do câncer"

Imagem: Reprodução internet
A presidente Dilma Rousseff sancionou, sem vetos, a lei que autoriza o uso da fosfoetanolamina sintética por pacientes diagnosticados com neoplasia maligna. O produto, que ficou conhecido como 'pílula do câncer', poderá ser usado pelos pacientes, "por livre escolha", desde que tenham laudo médico que comprove o diagnóstico e assinatura de termo de consentimento e responsabilidade dos próprios pacientes ou de seus representantes legais. O texto está publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira.

A decisão de sancionar a íntegra do texto que passou, em votação relâmpago, pelo Congresso em março traz um caráter político e não técnico ao ato de Dilma. Segundo o Broadcast, serviço de notícias em tempo real da Agência Estado, informou na terça-feira, a Casa Civil recomendou à presidente liberar o uso da fosfoetanolamina sintética antes do registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) na tentativa de evitar qualquer ameaça de desgaste, e de perda de votos, às vésperas da votação do impeachment.

A sanção, portanto, não levou em consideração pareceres técnicos preparados pelos ministérios do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Saúde, Ciência, Tecnologia e Inovação e também pela Anvisa e Advocacia-Geral da União. Todos sugeriam que a presidente vetasse integralmente o projeto. O principal argumento desses pareceres é que o composto poderia representar uma ameaça à saúde dos pacientes, abalar a imagem do controle sanitário do Brasil e, consequentemente, a imagem de produtos vendidos.

De acordo com a lei, a opção pelo uso voluntário da fosfoetanolamina sintética não exclui o direito de acesso do paciente a outras modalidades terapêuticas. O texto também define como de "relevância pública" o uso do produto.

A lei permite a produção, manufatura, importação, distribuição, prescrição, dispensação, posse ou uso da fosfoetanolamina sintética, independentemente de registro sanitário, em caráter excepcional, enquanto estiverem em curso estudos clínicos acerca dessa substância. Além disso, "a produção, manufatura, importação, distribuição, prescrição e dispensação da fosfoetanolamina sintética somente são permitidas para agentes regularmente autorizados e licenciados pela autoridade sanitária competente".


Fonte: DP

DOAÇÃO: Jornal Crer em Pernambuco incentiva a doação de sangue


MICROCEFALIA: Pernambuco continua na liderança!

Pernambuco permanece como o estado com maior número de casos de microcefalia no país. A doença já foi registrada em 416 municípios com 1.113 confirmações desde o início das notificações, em outubro passado. De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado pelo Ministério da Saúde nesta terça, outros 3.836 casos ainda estão sendo investigados. Os dados foram coletados até o dia 9 de abril. Foram contabilizadas microcefalia e outras alterações do sistema nervoso, sugestivos de infecção congênita.

Ao todo, já foram notificados 7.015 casos no Brasil, dos quais 189 tiveram confirmação laboratorial para o vírus zika. No estado, foram 312 confirmados e 1.849 notificados.

Os 1.113 casos confirmados ocorreram em 416 municípios de 22 estados: Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe, Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná e Rio Grande do Sul. Outros 2.066 casos foram descartados por apresentarem exames normais ou apresentarem microcefalias e/ou alterações no sistema nervoso central por causas não infeciosas.

Mortes
No mesmo período, foram registrados 235 óbitos suspeitos de microcefalia e/ou alteração do sistema nervoso central após o parto ou durante a gestação (abortamento ou natimorto). Destes, 50 foram confirmados para microcefalia e/ou alteração do sistema nervoso central. Outros 155 continuam em investigação e 30 foram descartados.

Fonte: DP

CONCURSO DA PM: Fique sabendo da concorrência no concurso da Polícia Militar de PE

Imagem: Reprodução internet
A Secretaria de Defesa Social (SDS) divulgou o número de candidatos ao concurso da Polícia Militar de Pernambuco. No total, 121.807 pessoas estão disputando uma das 1,5 mil novas vagas na corporação. Isso significa que a concorrência é uma média de 81 candidatos para cada vaga.

As provas do concurso serão aplicadas no Recife e Região Metropolitana e nos municípios de Caruaru, Garanhuns, Nazaré da Mata, Petrolina e Serra Talhada. Com a aprovação nos testes de habilidades e conhecimentos gerais, o candidato ainda será avaliado em aptidão física, psicológica, exames médicos e investigação da vida social.

Durante o período de treinamento, após aprovação em todas as etapas, o aluno do Curso de Formação e Habilitação de Praças receberá Bolsa-Auxílio de Formação Profissional no valor de R$ 970,42. Após nomeação, o soldado da PM receberá salário de R$ 2.319,88.

Fonte: JC

quarta-feira, 13 de abril de 2016

SAÚDE NO CAMPO: Projeto de Residência da UPE recebe premiação do Ministério da Saúde‏

Em 2015, a Universidade de Pernambuco implantou, em Garanhuns e Caruaru, a Residência Multiprofissional em Saúde da Família com Ênfase em Atenção à Saúde da População do Campo, e esta semana já estará recebe a segunda turma. A residência acontece em parceria com as Prefeituras Municipais, através das Secretarias de Saúde, e entidades sociais, a exemplo do MST - Movimento dos Sem Terra, e representações de Comunidades Quilombolas, e conta também com o apoio da Escola de Saúde Pública de Pernambuco (ESPPE).

O projeto foi analisado pelo Ministério da Saúde, e alcançou o primeiro lugar no Nordeste, no Prêmio InovaSUS – Gestão da Educação na Saúde. A premiação identifica, valoriza e premia experiências inovadoras implementadas pelos governos estaduais, municipais e do Distrito Federal; consórcios públicos e fundações públicas, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS).

Em Garanhuns, a residência acolheu a primeira turma na Unidade de Saúde da Família, na comunidade do Estivas, atingindo as demais comunidades quilombolas e outras áreas rurais, dispondo dos seguintes residentes: Enfermeiro, farmacêutico, assistente social, psicólogo, fisioterapeuta, nutricionista, veterinário, educador físico e terapeuta ocupacional.

Nesta quarta-feira (13), novas turmas ingressam na residência, tanto em Garanhuns como em Caruaru, segundo a coordenadora, profª Wanessa Gomes: "A importância do projeto é única no país, pela qualificação profissional na Saúde do Campo".

O próprio Reitor da Universidade de Pernambuco, Pedro Falcão, registrou a premiação: "Trata-se de um reconhecimento ao trabalho de extensão realizado pela UPE. Estamos democratizando o acesso à educação e à saúde, quando levamos residentes e futuros profissionais para perto de populações como as rurais e quilombolas. Aproveitamos para parabenizar todos os envolvidos, nossos quadros da Universidade e as instituições parceiras, como as Secretarias de Saúde dos municípios envolvidos, os Movimentos Sociais e outros órgãos do estado que apoiam esta iniciativa." - Finaliza o reitor.

As residências duram dois anos, e fazem parte da formação dos estudantes, nos últimos anos de curso.

Mais informações:
UPE CAMPUS GARANHUNS:
Fone: (87) 3761-8210
Endereço: Rua Cap. Pedro Rodrigues, 105 – São José, Garanhuns/PE CEP: 55294-902

CANGAÇO MODERNO: Roubos em bancos e caixas eletrônicos só aumentam em Pernambuco

Imagem: Reprodução internet
Uma ação criminosa em agências bancárias com uso de explosivos ou maçaricos a cada dois dias. Este é o balanço de abril de 2016 em Pernambuco: sete casos em menos de duas semanas. Na madrugada desta quarta-feira (13), bandidos voltaram a agir na Zona da Mata Norte, aumentando ainda mais esta triste e perigosa estatística. A investida ocorreu no Banco Santander de Timbaúba.

Os criminosos usaram e maçaricos para abrir dois caixas eletrônicos da agência localizada em uma praça na área central da cidade. Os terminais de autoatendimento tinham sido abastecidos na véspera e os ladrões, de acordo com a polícia, conseguiram levar o dinheiro.

A quantia não foi divulgada. Também não houve prisões, até o início da manhã desta quarta-feira.

Foi o terceiro caso em apenas dois dias. Na terça-feira (12), quadrilhas especializadas em assaltos a agências bancárias agiram no Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife, em Triunfo, no Sertão. Nas duas, houve demonstração de grande poderio de fogo, ousadia e muita agressividade. Em uma delas, a da cidade sertaneja, ocorreram prisões.
assalto no cabo

Detalhes

A ação do Cabo de Santo Agostinho teve a marca da ousadia. Ocorreu ao lado de um núcleo de segurança. A Companhia de Operações Especiais (Cioe) foi acionada para desativar um explosivo deixado pela quadrilha na frente da Caixa Econômica Federal da Praia de Gaibu, alvo da quadrilha. A ideia dos criminosos era explodir um terminal de autoatendimento.

A ação policial para detonar a banana de dinamite obrigou a companhia de trânsito a isolar as vias nas proximidades da agência. Muita gente se reuniu para acompanhar o trabalho.

A ação dos bandidos, de acordo com a Polícia Militar, ocorreu por volta das 3h. Os criminosos estavam em um carro branco. Com armas de grosso calibre, assaltantes efetuaram disparos contra o posto comunitário do 18º Batalhão da PM. Como nas investidas registradas no interior na semana passada, os assaltantes espalharam grampos nas ruas para dificultar a perseguição policial.

Em Triunfo, os bandidos agiram por volta das 2h40. Mascarados explodiram os caixas eletrônicos. O bando fugiu e acabou sendo interceptado em Custódia, na mesma região. Os policiais conseguiram prender dois integrantes da quadrilha e recuperou R$ 15 mil em dinheiro.

Outros casos
Na semana passada, os moradores de Macaparana e São Vicente Férrer viveram madrugada de terror. Na quarta-feira (6), bandidos fortemente armados explodiram uma agência bancária em Macaparana e efetuaram muitos disparos de arma de grosso calibre em São Vicente Férrer.

A ação orquestrada começou por volta das 23h de terça-feira (5) e acabou depois da 1h30 da quarta. Foi praticada por bandidos que portavam armamentos pesados e muitos explosivos potentes. Os assaltantes fugiram em quatro carros, com destino ao estado da Paraíba.

Em Macaparana, os assaltantes fecharam as duas entradas da cidade. A polícia confirmou que o bando colocou grampos nas ruas para dificultar a passagem dos carros da polícia.
Noite de terror na Mata Norte

Os ladrões usaram bombas e danificaram a estrutura do Banco do Brasil, no Centro. Pedaços de cédulas ficaram espalhadas pelas vias. Na saída, de acordo com relatos de moradores, deram muitos tiros. Há informações de que um carro foi incendiado.

Em São Vicente Férrer, a polícia informou que os bandidos agiram para impedir a saída de militares acionados para reforçar o efetivo de Macaparana.

De acordo com o coronel José Souza Filho, do 22º Batalhão da PM, os ladrões foram até a frente do destacamento e começaram a atirar. Duas viaturas foram atingidas. Uma delas estava estacionada na frente do prédio da PM.

Por isso, a Polícia Militar enviou três viaturas de batalhões de outros municípios da região para ajudar a procurar os assaltantes. Entretanto, os militares foram surpreendidos por grampos colocados na estrada. Moradores relataram que foram ouvidos muitos tiros e explosões.

Fonte: G1

MOEDAS: Saiba o impacto na economia em guardá-las

Brasileiros desprezam R$ 850 mi em moedas

Imagem: Reprodução internet
Guardar moedas em cofrinhos para uso próprio ou com o objetivo de presentear alguém é um hábito muito comum entre os brasileiros. Apesar de ser aparentemente inocente, esse costume acaba surtindo um efeito negativo na conta do país: a falta de moedas em estoque. De acordo com um levantamento realizado pelo Banco Central, R$ 850 milhões estão “presos” nas mãos dos brasileiros. São 7,2 bilhões de moedas que não estão circulando. Esse volume equivale a quatro anos e meio de produção da Casa da Moeda. Além dos famosos cofrinhos, elas são esquecidas em gavetas, porta-trecos e cinzeiros de carros.

Para Júlio Becher, economista e professor de cenários econômicos e métodos quantitativos do Cedepe Bussiness School, os dados acima são reflexo da falta de educação financeira presente no país. “As pessoas não compreendem a possibilidade de utilizar o sistema financeiro e bancário como meio de fazer render o dinheiro. Por isso, acabam guardando em casa”, explica. Mesmo que a quantia seja considerada pequena, é recomendável que ela seja investida. Quando é guardada em casa, a pessoa corre o risco de perder o poder de compra. “Em tempo de inflação alta, por exemplo, o valor não significará mais a mesma coisa”, diz o economista.

Para o indivíduo, a perda pode não ser tão grande. Mas o impacto geral é enorme. De acordo com o Banco Central, repor o estoque de moedas atualmente custaria R$ 1,8 bilhão. No comércio, ocorre um efeito operacional também negativo. De acordo com Júlio Becher, os estabelecimentos acabam ficando sem moedas – e, consequentemente, sem troco – e precisam comprá-las de outras formas. Isso gera um gasto muito maior. É tanto que, atualmente, é comum restaurantes e supermercados oferecerem ao cliente brindes em troca de uma quantia grande de moedas.

Toda essa situação está relacionada com a desvalorização das moedas no Brasil, segundo Becher. “Nos Estados Unidos, por exemplo, elas têm valor no comércio”, diz. Hábitos como deixá-la caída no chão, colocá-la em uma prateleira quando chega em casa ou guardá-la e não lembrar depois são atitudes que comprovam o quanto os brasileiros não valorizam as pequenas quantias. Reflexo de um país castigado durante anos pela inflação.

Fonte: DP

VACINAÇÃO: Começa na próxima segunda (18), em Pernambuco, a imunização contra a influenza

Imagem: Reprodução internet
O Estado de Pernambuco iniciará na próxima segunda-feira (18) a vacinação contra a influenza. Desta data até o dia será realizada a imunização dos profissionais de saúde.Já a pré-campanha começa a partir do dia 25 deste mês e visa vacinar idosos, crianças de 6 meses a menores de 5 anos, gestantes, puérperas, trabalhadores de saúde, indígenas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais. Além disso, podem participar da ação jovens que estão sob medida socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional. O Dia D da campanha acontece no último dia do mês (30).

Até o momento, Pernambuco recebeu do Ministério da Saúde (MS) 538.160 doses da vacina contra a influenza (24% do total). A expectativa da campanha é imunizar, no mínimo, 80% do público prioritário total contra três vírus da influenza: A H1N1, A H3N2 e B. “A proteção da vacina contra a influenza dura cerca de um ano, por isso a necessidade da população inclusa nos grupos prioritários participarem das campanhas anuais”, afirma a coordenadora do Programa Estadual de Imunização da Secretaria Estadual de Saúde, Ana Catarina de Melo. Ela ainda lembra que crianças que tomarem a vacina pela primeira vez devem receber uma 2º dose 30 dias após a 1º.

A imunização contra a influenza pode reduzir entre 32% a 45% o número de hospitalizações por pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade global. Em residentes em lares de idosos, reduz o risco de pneumonia em cerca de 60%, o risco global de hospitalização em cerca de 50% e o de morte em 68%. Ela ainda pode reduzir em 40% os casos de síndrome gripal.

A vacinação é contraindicada apenas para pessoas com alergia grave ao ovo ou a qualquer outro componente da fórmula, bem como quem apresenta histórico de reação anafilática em dose anterior da vacina. No caso de doenças agudas febris moderadas ou graves, a orientação é adiar a vacinação até a resolução do quadro.

Fonte: JC

PARALISAÇÃO: Professores da rede estadual de educação em Pernambuco, estão parados nesta quarta (13)!

Imagem: Reprodução internet
Os professores da rede estadual de educação de Pernambuco realizam paralisação de advertência nesta quarta-feira (13). Com o movimento, os docentes pressionam o governo pernambucano a conceder aumento salarial de 11,36%. Por causa da ação, cerca de 600 mil estudantes ficarão sem aulas.

Os docentes de Pernambuco exigem o cumprimento da lei de pagamento do piso nacional da categoria. Eles alegam que a norma determina o aumento nos vencimentos retroativo a 1º de janeiro deste ano.

A mobilização dos professores prevê a realização de um ato público, a partir das 14, em frente à Assembleia Legislativa de Pernambuco, no Centro do Recife.

Este ano, a categoria realizou ações pelo pagamento do piso salarial. Em março, seguindo uma mobilização nacional, os professores da rede estadual de ensino cruzaram os braços por dois dias.

O sindicato informou que adesão superou a marca dos 60%. De acordo com o governo, 13% das escolas ficaram fechadas. A Rede Estadual possui 1.049 escolas distribuídas por todos os municípios de Pernambuco.

Fonte: G1

terça-feira, 12 de abril de 2016

DENÚNCIA! Leitor envia fotos do transporte de restos de animais abatidos no matadouro de Garanhuns!

Recebemos denúncia de um leitor que não quer ser identificado, mostrando uma situação escandalosa do transporte de restos de animais abatidos no matadouro de Garanhuns. Confira as imagens enviadas:

Fotos: Reprodução whatsapp do leitor denunciante

Segue o texto do leitor / Cidadão / Denunciante:

"Flagrante de um absurdo: Essa é a forma como são transportados os restos dos animais abatidos no matadouro de Garanhuns, pasmem, este caminhão saiu de lá rumo não sei onde deixando um maravilhoso rastro de vísceras por onde passava, ainda bem que a imagem não tem cheiro, mas dá pra imaginar a situação. Cadê a PMG, Vigilância Sanitária, enfim, alguém precisa fazer alguma coisa, questão de saúde pública!!!!!".

Como sabemos que todos os fatos têm mais de um lado e versão, então buscamos ouvir a prefeitura sobre o ocorrido. Através de nota enviada pela assessoria de imprensa na noite desta segunda-feira (11), o governo municipal se pronunciou dizendo:

O Governo Municipal, por meio da Secretaria de Agricultura e Abastecimento e da Vigilância Sanitária, informa que entrou em contato com a empresa Equipabat, responsável pelo abatedouro de Garanhuns. A empresa afirmou que realmente ocorreu o problema denunciado mas que esse fato foi isolado.

Para que esse problema não se repita novamente, a empresa Equipabat assumiu o compromisso junto à Secretaria de Agricultura e Abastecimento e à Vigilância Sanitária de não transportar o contêiner cheio, a fim de evitar que outros incidentes aconteçam.

Atenciosamente,
Cloves Teodorico Neto - Jornalista/PE 

Questionamos, após o recebimento desta nota, se o contêiner citado é a caçamba sem tampa e lacre mostrada nas fotos e para onde são levados os restos dos animais abatidos?
A resposta enviada pela Assessoria de Imprensa da Prefeitura, foi:


Sobre o transporte do material que sai do Matadouro Municipal, a Vigilância Sanitária informa que não existe um carro específico para o trabalho, desde que não esteja cheio – como o caso citado. Quanto ao destino dos animais abatidos, a Vigilância informou que a carga é levada ao aterro sanitário da cidade.

Você Repórter do Jornal Crer em Pernambuco

Caso deseje mostrar uma situação em seu bairro ou qualquer lugar da cidade, entre em contato pelo whatsapp: (87) 99920.0255.
Assim, estaremos ajudando a fazer uma cidade ainda melhor para se viver.

Por Beto Duran / JCPE