Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 24 de julho de 2017

FIG 2017: Diversidade musical marca quarta noite de shows

Nichole de Andrade / Secom PMG
Abrindo a quarta noite do 27º Festival de Inverno de Garanhuns (FIG), Cafuringa e Banda subiram ao palco Mestre Dominguinhos neste domingo (23). O garanhuense se apresentou pela 15ª vez no festival. Ao som da Jovem Guarda, o cantor animou o público que chegava na praça. Cafuringa interpretou clássicos da jovem guarda como a música “Gatinha Manhosa”, de Erasmo Carlos, e “Como é grande o meu amor por você”, interpretada pelo rei Roberto Carlos. Além disso, Cafuringa fez uma sequência de músicas dedicadas a um dos homenageados do FIG, o cantor Belchior. A nostalgia marcou o show do artista da terra, que se despediu do público com agradecimentos.

A segunda atração da noite, as reppers da banda Donas, levaram mensagens de empoderamento e força para as mulheres. Em homenagem ao Nordeste, a dupla misturou o rap com o baião em um som contagiante, que contou com a participação da garanhuense Yasmin Amaral, que realizou uma bela apresentação de malabares durante o show. Poesia, rima e empoderamento marcaram o show da Donas. Em seguida foi a vez o músico Zé Brown, nome artístico de José Edson da Silva que também é compositor, rapper, embolador e arte-educador. O artista agitou o público ao som de muito hip hop.

Penúltima atração da noite, a banda baiana IFÁ apresentou um repertório inspirado na diversidade musical de matriz africana e é reconhecido como o grupo de afrobeat da Bahia. O IFÁ realizou sua apresentação com músicas em formato instrumental. Encerrando a quarta noite do Festival de Inverno de Garanhuns 2017, o cantor Zeca Pagodinho trouxe o samba para animar o público presente na Praça Mestre Dominguinhos. Em sua apresentação, o cantor interpretou os sambas clássicos da sua carreira. Zeca é um dos mais respeitados sambistas do Brasil.

Por Thayna Chaves / Secom PMG

Nenhum comentário:

Postar um comentário