Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 23 de agosto de 2018

EDUCAÇÃO: Sala de Atendimento Educacional Especializado é inaugurada em escola municipal

Com o intuito de promover uma maior inclusão de pessoas com deficiência o ambiente escolar, a Secretaria de Educação de Garanhuns inaugurou na tarde desta quinta-feira (23), a Sala de Recursos Multifuncional para o Atendimento Educacional Especializado (AEE) dos alunos da Escola Municipal Monsenhor Tarcísio Falcão e seu entorno. O espaço é destinado ao atendimento aos estudantes com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento, altas habilidades e superdotação, ofertando um serviço pedagógico para uma inclusão com qualidade e estimulando o desenvolvimento de suas habilidades.

Segundo a gestora da escola, Mylena Fernanda, a sala irá atender alunos com todas as deficiências. “A sala de recursos trabalha numa ação conjunta com a sala de aula regular. Ela vai poder proporcionar aos alunos um maior desenvolvimento na hora da aula. As atividades serão promovidas no contra-turno e poderão ser acompanhadas pelos pais”, explicou.

A diretora de Ensino, Cláudia Oliveira, afirmou que a Rede Municipal conta com 11 espaços, sete foram estruturados com recursos do Ministério da Educação e quatro, com recursos próprios. “A implantação de sala de recursos multifuncional é uma política pública que oferece um serviço da educação especial que identifica e organiza recursos pedagógicos e de acessibilidade, além de eliminar barreiras para a plena participação dos alunos dos alunos considerando suas especificidades.”, ressaltou.

Aldenira Silva é mãe do pequeno Pedro, de 6 anos de idade, e prestigiou a inauguração de mais uma sala. “Meu filho gosta de aprender. É uma luta muito grande para garantir os direitos dele e essa sala é muito importante para que todas as crianças que têm suas limitações possam se concentrar na hora de aprender”, comentou.

Texto: Daniela Batista — (Secom/PMG)
Com informações da Secretaria de Educação

terça-feira, 14 de agosto de 2018

EMPREEDEDORISMO: Franquia pode ser opção vantajosa para quem pretende abrir um negócio


De acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), o setor de franquias vem mantendo uma trajetória de recuperação econômica gradual frente a um cenário de muitas incertezas políticas no país. No segundo trimestre deste ano, a receita nacional do setor registrou um crescimento de 8,4% em relação ao mesmo período de 2017, passando de R$ R$ 37,565 bilhões para R$ 40,734 bilhões. Para o Sebrae, os números permanecem crescentes porque investir na abertura de uma franquia de um negócio já consolidado no mercado é uma alternativa segura para escapar de incertezas e riscos empresariais, principalmente diante de um cenário adverso da economia brasileira, visto que o saldo de abertura e fechamento de lojas nesse segundo trimestre é de 1,8%.

Uma franquia é uma multiplicação de um empreendimento já consolidado. Essa unidade tem licença para usar a marca e tecnologia desse empreendimento na venda dos produtos ou serviços dele. A licença é cedida sob condições firmadas em contrato, que geralmente envolvem o pagamento de taxas e a manutenção do modelo inicial de negócios. Quem cede o uso dos direitos é chamado de franqueador e quem recebe é o franqueado. Muitas franquias nascem de negócios independentes que dão certo e se tornam modelo de negócios de sucesso, passando a ser oferecido a outros empreendedores como franquias.

Joaquim Coelho, por exemplo foi o 4º franqueado da marca Sobrancelha Design, empresa que hoje conta com 480 lojas espalhadas pelo país. Comerciante ao longo de toda a vida, quando decidiu abrir sua unidade de um empreendimento já consolidado, há seis anos, visava maior estabilidade. “Não há tempestade para abrir uma franquia. O franqueador já conhece todos os altos e baixos, tem todo o modelo de negócio implementado e testado e pode nos passar sua experiência. É uma possibilidade de empreender com muito mais segurança”, afirma.

Mas o modelo de negócios de franchising, como também é chamada a franquia, também exige cuidados e muito planejamento. A loja das Graças, na zona norte do Recife, da Sobrancelha Design, aberta por Joaquim Coelho, só deu lucro ao empreendedor 18 meses depois de aberta. “Às vezes as pessoas pensam que vão largar o emprego, com um bom salário, para abrir uma franquia e, no mês seguinte, já vão receber a mesma quantia. Não é assim que funciona. Tem casos em que demora ainda mais que os 18 meses que esperei para recuperar meu investimento, depende de cada empresa”, conta.

De acordo com Vitor Abreu – o analista do Sebrae-PE que costuma ajudar empreendedores a abrir de franquias e comandar eventos e projetos relacionados ao segmento – com a crise econômica, muitas pessoas que perderam seus empregos e decidem empreender tem preferido investir na abertura de franquias. “Em alguns casos o empreendedor não está acostumado a tomar todas as decisões sozinho. Empreender com uma franquia é uma é uma possibilidade de começar um negócio com maior base de informações e, por isso, com redução dos riscos; O franqueado deve seguir modelos pré-estabelcidos, testados e aprovados, pode ter uma ideia de quanto vai lucrar, e o tempo estimado para retorno do investimento. Outro fator importante é a taxa de mortalidade, que para este modelo é estimada em apenas 5%, enquanto para negócios próprios o percentual fica acima de 20%”, afirma.

Abreu reforça a importância do planejamento para se tornar um franqueado. “Mesmo no modelo de franquias, o empreendedor precisa estar preparado para o início de negócio com baixo lucro, devido ao investimento realizado. Algumas redes possuem parcerias com bancos, o que facilita o financiamento de parte do investimento e até mesmo o capital de giro”, pontua.

O Nordeste brasileiro é uma região promissora para a expansão das franquias, o que atrai diversas marcas e contribui para o crescimento do setor de franchising. Prova disso está no levantamento da ABF sobre as regiões no 1ª trimestre deste ano, apontando uma alta de 17% no número de redes que atuam na região. Atualmente, 510 marcas operam no mercado nordestino. O número de unidades acompanha esse ritmo, com uma expansão de 13%, totalizando 11.589 pontos de venda.

“A cada ano provamos que o Nordeste tem uma grande importância no sistema de franquias brasileiro. Temos números favoráveis. É a demonstração de que os empreendedores estão buscando espaços fora do eixo Rio/São Paulo”, destaca o diretor da regional Nordeste da ABF, Leonardo Lamartine. Em 2017, o faturamento da Região atingiu o patamar de R$22,5 bilhões, o que representa um crescimento de 4,3% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Para criar mais oportunidades de negócios no Nordeste e em Pernambuco, facilitar o acesso à informação e o contato com marcas franqueadoras de peso, o Sebrae-PE e a ABF realizam o Salão de Franquias, na 12º Feira do Empreendedor, entre 29 de agosto e 1º de setembro, no Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda. O Sebrae já preparou 360m² da feira para as 30 marcas de peso confirmadas no evento. Entre elas estão Cacau Show, Bonaparte, Quanto Prima, Grau Técnico, Mahogany e Rede Ortoestética. A Feira do Empreendedor é aberta ao público mediante inscrições no site www.feiradoempreendedorpe.com.br

A Feira do Empreendedor – maior evento de empreendedorismo do estado de Pernambuco, a feira foi elaborada para atender novas demandas do mercado. Possibilita aos micro e pequenos empresários interação e networking, oportunidades de negócios e investimento, aprendizado e contato com as novas tecnologias e técnicas inovadoras. Em um único ambiente, os visitantes têm acesso a informações sobre abertura e gestão de empresas, linhas de crédito, franquias, impacto social, além de palestras e oficinas direcionadas ao desenvolvimento da cultura empreendedora em diversos segmentos. Promovida pelo Sebrae-PE, a feira acontece a cada dois anos, sempre trabalhando questões pertinentes ao contexto econômico, à realidade social, tendências e aos novos rumos do empreendedorismo em Pernambuco e em todo o Brasil.

Por Cloves Teodorico

quarta-feira, 8 de agosto de 2018

GARANHUNS: Inauguração da Creche Reverendo Ezequiel Ventura dos Santos


O Governo Municipal investe mais uma vez na Educação Básica e irá inaugurar hoje (8), a partir das 19h, a Creche Reverendo Ezequiel Ventura dos Santos, que irá beneficiar as famílias do bairro Francisco Figueira. O espaço irá atender cerca de 100 estudantes do Maternalzinho, Maternal e Infantil I. Em 2019, o Centro chegará a 240 alunos, que irão ter aulas em horários parcial e integral.

O projeto arquitetônico foi desenvolvido pelo Governo Federal, por meio da modalidade Proinfância (tipo B), no intuito de instrumentalizar o município na oferta de atendimento à crianças de zero a cinco anos. De acordo com a Secretaria de Educação, a creche foi construída com recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), avaliados em cerca de 1 milhão e 700 mil reais, e também com recursos próprios do Governo Municipal, com aproximadamente 600 mil reais. O espaço está localizado na Rua Antônio Carlos Jobim, S/N, bairro Francisco Figueira.

Serviço – Inauguração da Creche Reverendo Ezequiel Ventura dos Santos
Data: 08 de agosto
Local: Rua Antônio Carlos Jobim, S/N, Francisco Figueira
Horário: 19h



Com informações do SECOM / PMG